Pontos turísticos e programação para Aracaju

O nordeste brasileiro é marcado por uma grande diversidade cultural, histórica e culinária. Além de reunir as cidades mais antigas do país, a região é famosa por abrigar praias paradisíacas e oferecer uma gastronomia rica e com sabores muito marcantes, que vão desde a moqueca e a peixada até o baião de dois e o queijo coalho, entre outros exemplos.

A cidade de Aracaju é conhecida por suas praias belíssimas e por ser a capital do caranguejo — considerado não só um animal típico na região, mas também uma iguaria culinária. A cidade possui grande área de mata atlântica e foi historicamente habitada por pescadores.

Você conhece a capital do Sergipe? Se você nunca foi a este estado, veja alguns pontos turísticos imperdíveis antes de comprar a sua passagem com a Águia Branca!

Orla de Atalaia

Essa é a área mais conhecida por turistas na cidade e é onde se concentram boa parte dos restaurantes e bares da cidade. O mar fica bem perto, bastando caminhar alguns poucos metros para poder curtir a praia.

Outra vantagem da orla do Atalaia é que ali ficam inúmeros outros comércios, como farmácias, mercados, lojas de roupas, acessórios, entre outros. Também é fácil encontrar ônibus e táxis. Ao lado da praia do Atalaia, exista a praia Aruana, que possui uma boa infraestrutura de quiosques e um mar bastante calmo.

Museu da gente sergipana

Esse é um dos museus mais tradicionais e típicos da cidade. Nele, os visitantes podem conhecer mais sobre a diversa e vasta cultura sergipana, além da história da cidade.

Esse museu é sediado em um belo prédio histórico que foi tombado há alguns anos como patrimônio cultural. O museu foi reformado recentemente, o que realçou ainda mais o estilo arquitetônico da construção, uma atração a mais neste passeio.

Ilhas

Aracaju também é conhecida por ter algumas ilhas próximas. Uma das mais famosas é a ilha Crôa do Goré, um banco de areia em meio ao rio Vaza Barris, que pode ser visitado apenas quando a maré está baixa. Esse é o tipo de passeio que exige aos turistas consultar a tábua de marés e conversar com pescadores locais para verificar quais são os dias mais adequados para visitar essa ilha.

Diretamente no local ou através de agências, é possível comprar passeios de barco que duram cerca de cinco horas e visitar bares flutuantes que servem drinks e petiscos, além de oferecer cadeira e guarda-sol.

Outra famosa é a ilha dos namorados, que pode ser visitada a partir de catamarãs que saem da orla do pôr do sol. Com águas tranquilas, o local é bastante procurado por casais.

Teleférico

Se você adora ter uma vista e tanto dos lugares por onde viaja, não perca o teleférico de Aracaju, no Parque da Cidade. O passeio proporciona uma vista única sobre a mata atlântica presente na região — uma experiência incrível que não é vista em outras regiões.

A região possui diversas trilhas, mas é recomendado aos visitantes percorrê-las apenas aos fins de semana, para garantir segurança, com maior movimentação no parque. No dia em que realizar esse passeio, vale conhecer a Colina do Santo Antônio, considerada o marco zero da cidade e fundada em 1855, onde há uma igreja com o mesmo nome.

Quem não tiver condições de subir a subida a pé pode pegar um táxi e chegar ao topo rapidamente. Para quem gosta de aproveitar a vida noturna, vale a pena degustar da culinária local em um restaurante com um bom forró ao vivo!

Deixe um comentário