Conheça as medidas de uma Quadra de Basquete

O basquete é um dos esportes mais populares que existe. Por isso, em todo o mundo ele é praticado de forma profissional e amadora. Com isso, as medidas de uma quadra de basquete podem variar em cada local.

Mas, de antemão podemos afirmar que apesar de muitas quadras não serem iguais, existem regras básicas definidas pela Federação Internacional de Basquete (FIBA) em 2020 que criaram padrões para essas dimensões.

Curiosidades sobre o Basquete

O basquete surgiu em 1891 e tem na NBA a maior liga profissional do esporte. Jogado com as mãos, o controle de bola de um jogador de basquete permite ao mesmo driblar, tapear, quicar, rolar, arremessar e passar a bola.

A regra exige que seja dado um passo por quique da bola, utilizando apenas 1 mão de cada vez. Cada equipe tem 24 segundos para desenrolar a jogada até o momento do arremesso, sendo apenas 8 segundos no campo de defesa.

Uma vez que foi cruzado a linha de meio campo, a equipe não pode retornar ao campo de defesa.

Se o jogador utilizar as duas mãos, é considerado final de um drible e ele não pode voltar a quicá-la, ou será considerada infração.

A mesma coisa acontece no caso do jogados movimentar ambos os pés durante a posse da bola. A infração nesse caso tem o nome de “andar”.

jogo de basquete

Fundamentos básicos

Os principais fundamentos do basquete são:

Drible

Controlar a bola quicando-a com uma das mãos (um quique por passada).

Passe

Jogar a bola para um companheiro de equipe. Pode ser feito de forma direta (passe peito) ou tocando no chão (passe picado ou quicado). Quando o passe é dado para um jogador, e esse converte os pontos, é chamado de assistência.

Arremesso

Arremessar a bola em direção à cesta.

Rebote

No caso do arremesso não ser convertido, jogadores de ambos os times disputam a posse da bola (rebote ofensivo ou rebote defensivo).

Toco (bloqueio)

Interceptação de um arremesso.

Tempo das partidas

Com equipes formadas por times de 5 jogadores em quadra e mais 7 jogadores no banco de reservas, tem partidas disputadas em 4 tempos de 10 minutos, chamados de “4 quartos”.

Entre o primeiro e terceiro quarto, os times têm 2 minutos de intervalo. Entre o segundo quarto, o intervalo é de 15 minutos, já que seria considerada a metade do jogo.

Contudo, em situações de empate, prorrogações de 5 minutos ocorrem para que possa acontecer o desempate.

Tempo técnico

O tempo técnico pode ser pedido por jogadores ou pelo técnico e tem duração de 1 minuto e 40 segundos. Cada equipe tem direito a pedir até 6 tempos por jogo (na NBA) ou 5 tempos na regra FIBA.

Pontuação no Basquete

Existem três tipos de possibilidades de pontos num jogo de basquete. São elas:

Cesta de 3 pontos – fora da linha dos três pontos;

Cesta de 2 pontos – na parte interna da linha de três pontos (incluindo pisar na linha);

Cesta de 1 ponto – lance livre na área demarcada.

Como são marcadas as Faltas?

Os árbitros do basquete podem marcar diversos tipos de faltas. São elas:

faltas pessoais: quando ocorre contato ilegal entre os atletas;

faltas técnicas: relativas ao comportamento do jogador, geralmente quando este atrapalha o desenvolvimento da partida, sem haver contato físico com o adversário;

faltas antidesportivas: ocorrem quando o contato ocorre de forma alheia aos padrões do jogo;

faltas desqualificantes: ato de violência praticado por um atleta, ou no caso de briga entre dois ou mais atletas.

O limite de faltas pessoais é de 5 por partida. Ao atingir essa marca, o jogador deve ser substituído. A equipe também é punida em caso de faltas, podendo ter apenas 5 por quarto. Caso exceda essa quantidade, a punição são 2 lances livres para o adversário.

O que são os lances livres?

Em caso de faltas individuais ou coletivas, o jogador que sofreu a falta pode cobrar o lance livre, um arremesso efetuado na área delimitada e sem nenhuma marcação dos adversários.

Se o jogador sofreu lesão e foi substituído, o seu reserva imediato é que deve ser responsável pela cobrança.

O número de substituições no Basquete é indeterminado e podem ocorrer em qualquer momento da partida, até mesmo com a bola em jogo. A única orientação é respeitar a área delimitada para tal.

Dimensões de uma quadra de basquete

A WNBA e a NCAA, além claro da NBA utiliza um tamanho pouca coisa maior que o padrão FIBA, como vamos ver abaixo:

Quadra de Basquete padrão NBA – 28,7 metros de comprimento x 15,2 metros de largura

Quadra de Basquete padrão FIBA – 28 metros de comprimento x 15 metros de largura.

Em ambos os casos, a altura da cesta é única. Está a 3,05 metros do chão. No basquete amador, todas as medidas podem variar. O garrafão também tem suas medidas alteradas, já que depende das dimensões da quadra.

Dimensões da quadra de basquete

Novamente, vamos ver essa diferença usando como referência a FIBA e a NBA:

Medida do Garrafão padrão NBA – 1,22 metros de comprimento

Medidas do Garrafão padrão FIBA – 1,25 metros de comprimento

As dimensões para arremesso de 3 pontos também tem variações dentro das instituições:

Arremesso de 3 pontos na NBA – 7,28 metros

Arremesso de 3 pontos na FIBA – 6,75 metros

Qual o tamanho da quadra de basquete?

As dimensões de uma quadra de basquete devem ser respeitadas, assim como necessitam de uma superfície plana e rígida, com medidas aproximadas de 28×15 metros, totalmente livre de empecilhos.

A medida exata é feita à partir da margem interna, conhecida como linha limítrofe.

Como vimos acima, a NBA tem medidas um pouco superiores a essa. E também existem casos onde algumas Federações permitem quadras de basquete com medidas menores, à partir de 24×14 metros.

Seja como for a medida externa da quadra de basquete, as internas costumam ser padrão. Vamos ver cada uma delas abaixo:

Linhas da quadra de basquete

Devem ser feitas na cor branca ou estarem claramente visíveis, com 5 centímetros de largura.

Linha limítrofe

Consiste nas linhas finais e laterais. É ela quem delimita a dimensão exata da quadra de basquete. Apesar dessa delimitação, ela não faz parte da quadra do jogo, mas está lá para garantir que banco de reservas ou outras obstruções possam estar no mínimo a 2 metros desse espaço.

Linha Central, círculos e semicírculos

Estende-se por 0,15 metros além da linha lateral, paralelamente às linhas finais, a linha central está nos pontos médios das laterais.

A linha central faz parte da quadra de defesa.

O círculo central tem como raio 1,80 metros e é marcado no centro da quadra até a margem externa.

Todas essas marcações devem respeitar a cor das áreas restritivas, como veremos abaixo.

Áreas Restritivas, Rebote e Lance Livre

Espaço retangular marcado pelas linhas finais, a área restritiva são limitadas pelas linhas de final de quadra, junto às linhas de lance livres.

Traçadas paralelamente às linhas da quadra, as linhas de lance livre medem 5,80 metros de comprimento por 3,60 metros de extensão. Ela cria uma linha imaginaria que une os pontos médios das duas finais.

Deste modo, teremos margens externas a 2,45 metros dos pontos médios das linhas finais, terminando nas margens externas das linhas de lance livre estendidas.

Excluindo as linhas finais, elas são parte da área restritiva. Os interiores das áreas restritivas devem estar obrigatoriamente pintados.

Os espaços de rebote de lances livres ao longo das áreas restritivas serão reservados para jogadores durante a cobrança do lance.

Cesta e área de três pontos

Com margem externa de 0,90 metros da margem interna, elas são duas linhas paralelas estendidas e perpendiculares à linha final.

Um arco unindo essas linhas paralelas, com raio de 6,75 metros deve ser medido desde o ponto central da cesta até a margem externa do arco. A distância média e segura para a margem interna da linha final é de 1,57 metros.

Linhas de Reposição

Marcadas fora da área de jogo, no lado oposto à mesa do apontador, medem 15 centímetros de comprimento e tem uma margem externa de 8,325 metros da margem interna da linha final mais próxima.

Bancos de Reservas

Também ficam fora da área da quadra e podem conter 17 assentos que são utilizados para os reservas, assistentes técnicos, e demais acompanhantes da equipe.

Proteção para quadras esportivas

A maioria das quadras de basquete ou mesmo poliesportivas contam com uma tela de proteção em volta da quadra, para evitar que as bolas possam sair da área de jogo e atingir alguma pessoa que está assistindo.

Esse tipo de rede de proteção tem uma durabilidade enorme, além de serem muito resistentes. Elas possuem diversas cores e tipos de malhas, assim podem facilmente estarem integradas ao mais diversos tipos de quadras.

Muito comuns em volta das quadras de condomínios, as telas de proteção esportivas são fabricadas com um polietileno de alta densidade, um tipo de nylon que recebe um tratamento UV para ampliar sua durabilidade, o que permite que elas fiquem expostas ao sol e chuva, sem comprometer o tempo de durabilidade.

Atualmente existem redes de proteção com diversas medidas, como 10x10cm 12x12cm 15x15cm e fios de 2mm e 4mm de espessura, nas cores branco, cristal, azul, verde ou preto.

Normalmente ao redor das quadras de basquetball, são utilizadas as telas de 15 centímetros, vão suficiente para manter a bola nos limites da quadra. A limpeza desse tipo de produto deve ser feita apenas com água e sabão neutro.

O uso de produtos abrasivos pode comprometer a qualidade e resistência do equipamento de proteção, além de diminuir sua durabilidade.

Curiosidade sobre as bolas de basquete

A primeira coisa que devemos levar em consideração é o tamanho da bola. O tamanho oficial masculino é a Bola nº 7, que mede entre 69 e 78cm e pesa aproximadamente meio quilo.

No basquete feminino, a bola oficial é a nº 6, com circunferência de 70 a 74cm e peso equivalente à masculina.

Crianças jogam com bolas tamanho 5 ou 3, dependendo da idade. O tamanho correto da Bola de Basquete influencia diretamente no controle de jogo ou potência do arremesso.

O material da Bola de Basquete geralmente é o Couro. Esse tipo de substrato é utilizado nas maiores ligas profissionais e são próprias quando falamos de quadras indoor.

Existem também as Bolas de Basquete de borracha, que são próprias para uso em quadras poliesportivas outdoor.

Também podemos encontrar Bolas de Basquete de material sintético, como a Microfibra ou o PU (poliuretano), que são bem resistentes e duráveis. Muita gente opta por esse tipo de bola já que ela se adapta bem em quadras de madeira, cimento ou tipos de pisos mais rústicos.

Bolas de Basquete Texturizadas

A granulação ou textura que existe nas bolas de basquete são importantes para garantir uma melhor aderência durante o jogo.

Essa textura geralmente vem junto com canaletas, que ajudam a segurar melhor a bola nas mãos.

Infelizmente, as marcas não informam esse aspecto de forma clara, por isso o ideal é conferir os comentários de pessoas que já adquiram o produto que está querendo comprar. Além disso, também é possível conferir as canaletas e a textura da bola indo em uma loja física.

Deixe um comentário